Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

O Instituto Militar de Engenharia (IME) realizou uma homenagem ao Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) pelos seus 70 anos de criação. A solenidade foi presidida pelo Comandante e Reitor do IME, General de Brigada Engenheiro Militar Armando Morado Ferreira, acompanhado pelo Reitor do ITA, Professor Doutor Anderson Ribeiro Correa, pelo Comandante da Universidade da Força Aérea (UNIFA), Major-Brigadeiro do Ar Luiz Guilherme Silveira de Medeiros, pelo Diretor do Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE), Brigadeiro Engenheiro César Demétrio Santos e pela neta do Patrono da Engenharia da Aeronáutica, Sofia Montenegro.

“Hoje é um dia de homenagem ao ITA, porém devo iniciar agradecendo pela oportunidade e, neste ensejo, retirarmos das prateleiras os arquivos e do mofo das folhas já desvanecidas uma parte importantíssima da nossa história em comum”, disse o General de Brigada Armando.

Os participantes tiveram a oportunidade de conhecer a história da engenharia aeronáutica na Escola Técnica do Exército (EsTE). Durante a cerimônia foi concedido o diploma de Mérito Acadêmico post mortem dos professores e instrutores do Curso de Engenharia Aeronáutica, da EsTE, prestada na pessoa do então Capitão Aviador e Engenheiro Oswaldo Balloussier, neste ato representado pelo seu neto, o General de Divisão Engenheiro Militar Rodrigo Balloussier Ratton, integrante da Turma de 1988, Professor no IME e, posteriormente, Comandante e Reitor do IME, no período de 2011 a 2014.

“É uma imensa honra e responsabilidade segurar as mãos o único título Honoris Causa da história do IME”, declarou o Reitor do ITA. Foi concedido pela primeira vez no IME o título de Doutor Honoris Causa post mortem ao Marechal do Ar Casimiro Montenegro Filho que foi entregue ao Reitor do ITA para compor o acervo do Instituto.

Durante a Cerimônia também foi entregue à Sofia Montenegro uma medalha do IME em homenagem aos grandes feitos de seu avô, o Marechal Montenegro. Encerrando a solenidade foram inauguradas duas placas apostas na sala 405-A, sala onde eram ministradas as aulas de engenharia aeronáutica, em homenagem ao ITA.

História

No dia 14 de março de 1950, a EsTE, criada em 1939, predecessora do IME, interrompeu suas atividades no curso de Engenharia de Aeronáutica. A EsTE graduou, no período de 1939 a 1949, 41 Engenheiros de Aeronáutica, entre eles o Patrono da Engenharia da Aeronáutica Marechal do Ar Casimiro Montenegro Filho. Esses Engenheiros formados tornaram-se a base do futuro Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), adquirindo condições para a fundação da Embraer, em 1969, e para o desenvolvimento e crescimento da indústria aeroespacial.
As primeiras aulas do ITA tiveram início em 1950, na sala 405-A do IME, e depois foram transferidas para as instalações do, então, Centro Técnico de Aeronáutica (CTA), em São José dos Campos (SP).

 

Fonte: DCTA, por Ten Isabele/ Comunicação Social do IME

Fotos: IME

Fim do conteúdo da página